segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

Ofélia


Acordou em meio à noite atordoada
E ecoou ao longe a voz dela
A alma ergueu-se do lívido corpo,
Pois estava morta a pobre Ofélia.

Já no portão do paraíso, ela avistou Deus.
E Deus riu para ela.
- Que bela criatura - disse ele
- É Ofélia!

Estava lá também Satã
A cobiçar a imagem angelical e bela
Estendeu-lhe a mão com olhar doce
E cavalgou para o inferno com Ofélia.

 ▬▬▬▬▬▬ஜ۩۞۩ஜ▬▬▬▬▬▬

7 comentários:

Amber disse...

ofélia é um grande poema, uma história pequena. a parábola em versos das mais criativas que já li.

adoro ler e reler ofélia.

Leka disse...

Olá tudo na paz?!
Quando li o texto imaginei todas as cenas!

Também quero desejar um feliz ano de 2012 pra vc e sua família!
Que este ano você tenha muitas realizações, alegrias e que todos os teus anseios passam ser resolvidos.
Bjs, paz e muita saúde pra enfrentar mais um ano que se inicia!

Elton Sipião O Anjo das Letras. disse...

Reler Ofélia foi um prazer,pois é um primor de poesia,Deus sorri para ela,contudo Ofélia prefere partir com Satã. Um final inusitado e que dispensa o politicamente correto.Abraços poéticos caro poeta,e congratulações pelo belo texto literário-poético.

Sixx Stardust disse...

Ofélia, tão bela
mas será que alguém realmente se importava com ela?
A mortalha não parece o melhor esconderijo.

Feliz 2012.

Amadeu Paes disse...

Olá amigos do terza.

Só pra dizer que coloquei minha leitura em dia e como sempre gosto do jeito que vocês escrevem.

Bom 2012

Laysha Vampira disse...

Ter sua amizade é com certeza meu maior alento.

Desculpe a ausência, o tempo anda curto para dedicar-me ao blog.


Mas venho deixar-te um beijo especial.

Laysha.

Francis Davis disse...

Espalhem aos quatro ventos que o http://escritocomsangue.blogspot.com/
Esta voltando! TT @ESC_Blog

Vai rolar promo no twitter!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...